BEM VINDOS À POESIA


quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Recortes 5 - Canto de Orfeu...


imagem google.com

Atravessou planícies
Venceu quedas d'águas
e fortes correntezas
escalou precipícios 
Subiu no topo da montanha
E uivou tão alto
Que seu uivo
foi confundido
com o canto de Orfeu
Amansando a fera 
que havia dentro da noite...
"O uivo abalou as estruturas do céu e foi publicado na primeira página de um jornal local..."

Su Simon

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Faz assim não... (Flavinho)


Quando você some assim
eu lembro daquele dia
e do meu desespero 
Ah! Maquina de lavar!

Faz mais isto não
É choque, e desespero
É busca intensa
é não saber-te próximo...

Faz assim não
é euforia, abismo
falta de chão...

Te amo e não tem preço
sinto a responsabilidade latente
batendo em minha porta...

Su Simon

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Ciranda Bom dia com Ilze Soares e amigos poetas

imagem google.com


Bom dia, boa tarde também 
A manhã se foi 
O sol aquece firme
e o entardecer aponta no horizonte...
Seja feliz em todos os tempos
pois à noite, a lua vem
brilhar pra você.
beijo

Su Simon


Parte integrante da ciranda de versos publicada em:

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

CRIADOR DE ILUSÕES


imagem google.com
Ah! FEITIÇO
Encantadora criatura
Que tem o dom de espalhar amor
feito o vento que sopra de mansinho...

Sorrateiro!
Entra em silêncio
e com o doce das palavras
vai se aconchegando
nos deixando entregues
aos sonhos e desejos...

És genial!
No jogo de palavras
iludes cada flor
com um único verso...
Sensacional!

 liberta de ilusões,
sinto-me livre para  mudar os sonhos
quero a alegria verdadeira, amor sincero
Ser única nesse universo chamado Sonho!

E em meus devaneios sigo sonhando
meu sonho maior
Chamado Amor
que me leva a você...
Ah! Feitiço!

Su Simon

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Memórias

By Su Simon


Tirei o dia pra esquecer 
Esquecer problemas, 
Esquecer passado, 
Esquecer você... 

Saí pela cidade, 
caminhei por lugares de outrora, 
revisitei memórias. 
Tudo tão diferentemente igual... 

Cada edifício uma singular arquitetura, 
então lembrei 
Antes, não reparava a arquitetura
da Capital Paulistana... 
Visão linear,
Não admirava o horizonte 
e o fascínio que a metrópole produzia... 

Por alguns segundos consegui esquecer 
Esquecer problemas 
Esquecer passado 
Esquecer você. 

Foram os melhores momentos vividos...
distraída, divagando, esquecida 
Mas saiba amor: 
Você ainda está em tudo que vi e vivi.

Sun Simon

sábado, 27 de setembro de 2014

Toque de pele



Fonte inimaginável de prazer...
navegando neste corpo
que repousa no azul...

Domina a mente com versos...
Ah! Versos!
Melodia em mim...

Forte onda energética
emerge do teu misterioso olhar
Infinito clarão da noite

E o vento soprando do Sul
atiça o fogo acendendo brasas
Queimando por dentro.

Me perco nos delírios de teu beijo.
ouço os sussurros arrepiantes da noite
num toque de pele a luz do luar...

Su Simon

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Music in me




google imagens

You just comes out of nowhere
Creating fantasies in my mind
Your verses blow in my direction
And I surrender to delusions wind

So ... You come softly
I fall in love by your mysteries
I float holds by the wings' angel
Toward your look blue ...

I feel the notes, rhymes, melodies
Outputs of your love song
That give me dreams
After all ... you are music in me!


Su Simon

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Will be need to draw?

google images

You left me alone 
with angels and witches 
Not the most southerly winds blew 
Nor brought me more peace than I had 
You forgot, my friend ?
The dream life made ​​for us 
and the wings of an owl 
I would love and affection 
in the predawn darkness, 
come into your dreams 
during your deepest sleep 
Sweetly kiss your face ... 
Ah! I still need dreams 
to survive!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

THANKS

Thank you for visiting ...
come back soon!...